Pular para o conteúdo principal

Gibiteca nº38: Chicle Ploc Black ou Blue? - 1996

LUCIANO SILVA DA CRUZ

Olá pessoal. Neste Domingo (11), de Dia das Mães, a nossa GBT irá falar sobre a propaganda do chicle Ploc, que saiu na revista Chico Bento n° 236 pela Editora Globo.

Foto do anúncio do chicle:




Nesta época o chicle trazia uma transfix,  que seria uma figurinha de brinde na compra de cada chicle Ploc, estas figurinhas não eram muito para as crianças, pois temos um exemplo de frase no anúncio  de uma das figurinhas que traz a frase: "Gostosa no pedaço".

O chicle verde possuía o sabor de Groselha, já o preto tinha o sabor de Ponche de Frutas.

Slogan do produto: "Ploc, o chicle divertoso."

OBS: Quando você comprava o chicle, o sabor que ele vinha era mistério, ou seja, você poderia tirar a goma de mascar da cor verde sabor groselha, ou preta do sabor ponche de frutas.

Espero que tenham curtido, e até a nossa próxima GBT.
Um abraço!


Comentários

EM ALTA NA SEMANA

Jogo do Cascão: conheça a desenvolvedora que criou o game da Turma da Mônica

A desenvolvedora brasileira Insane Games aproveitou a onda dos jogos para redes sociais e hoje se especializou um aplicativos para celulares. A reportagem conversou com o empreendedor Diego Beltran (28), dono do negócio, e com o diretor de áudio Kauê Lemos (24) sobre o novo projeto da companhia: o Jogo do Cascão, em parceria com a Mauricio de Sousa Produções. Confira detalhes da criação na entrevista a seguir. Turma da Mônica é casual “Jogos para celulares são naturalmente mais casuais, porque são fáceis de se jogar enquanto está em uma fila de espera ou num elevador. Os personagens cartunescos do Mauricio de Sousa vestem este conceito como uma luva”, nos explicou Diego Beltran, o CEO que começou a curtir o Atari e o Nintendinho 8 bits quando ainda estava engatinhando. E o Jogo do Cascão não foi o primeiro de sua empresa, a Insane Games. O executivo falou um pouco do primeiro jogo envolvendo os personagens de um dos quadrinhos brasileiros mais consumidos no país: “O primeiro game desta s…

Almanaque Temático #45 - Capitão Feio

Circula pelas bancas o Almanaque Temático 45, lançado em janeiro de 2018. Custa R$8,00.

Lista de histórias:
O minigame do Capitão Feio - 13 páginas - original de CC #141 (Editora Globo, junho de 1992)Exibido, eu? - 4 páginas - original de CC #204 (Editora Globo, novembro de 1994)Bebês trocados - 17 páginas - original de CC #260 (Editora Globo, dezembro de 1996)Não acredito!! - 18 páginas - original de CC #442 (Editora Globo, novembro de 2004)Que tédio - 10 páginas - original de CC #280 (Editora Globo, setembro de 1997)Proposta repelente - 17 páginas - original de CC #186 (Editora Globo, fevereiro de 1994)Dr. Olimpo x Capitão Feio - 10 páginas - original de CC #282 (Editora Globo, outubro de 1997)O porquinho borralheiro - 18 páginas - original de CC #411 (Editora Globo, outubro de 2002)Sujeira, pra que te quero - 16 páginas - original de CC #433 (Editora Globo, fevereiro de 2004)O menino da máscara do Ursinho Bilu - 18 páginas - original de CC #357 ( Editora Globo, setembro de 2000)Os t…

Gibiteca nº 11: Chico Bento nº 78

Olá pessoal. Nesta noite deste sábado (29), continuaremos com o "Calendário da Gibiteca", onde nesta postagem falaremos sobre a revista Chico Bento nº 78 lançada neste mês pela Panini Comics:

A edição é composta por 12 historias, incuindo a tira final:

Os três desejos, após tirar zero em matemática, Chico Bento ganha uma ajuda muito especial de três pássaros pretos, onde através de cada pena um desejo do caipira pode ser realizado, na minha opinião uma excelente história.

Chico coragem, onde o personagem consegue chegar atrasado em mais uma quermesse para ir com a Rosinha. Destaque para o sorriso da piranha na página 15.

Sonhando sonâmbulo, nesta aventura Chico Bento começa a sair atrás de seus sonhos durante a noite.

Distraído, enfim uma historia estrelando o Zé Lelé, que na minha opinião é um dos personagens mais engraçado da Turma da Roça. Nesta aventura o caipira consegue cair em todos os buracos possíveis, até no céu, através de seu anjo da guarda

Nada romântico, Chico Bent…