Pular para o conteúdo principal

Super Checklist #3: as mensais TM de Fevereiro/16

Ainda estão em bancas as revistas #10 da Turma da Mônica, de Fevereiro/16. Com bons roteiros, afirmo, com convicção, que essas são as melhores revistas desde que houve o reboot na numeração, em maio do ano passado.

Mônica #10 abre com uma HQ muito interessante. Cadê a alegria que estava aqui?, de 29 páginas, roteirizada por Lancast Mota, faz uma crítica ao politicamente correto. Achei válido, um tapa na cara da sociedade, mas um tanto quanto irônico. Logo a MSP, que segue à risca os conceitos 'certinhos'... A revista segue com HQs do Anjinho, Rolo, Bidu e com a Turminha. Destaque para a oitava e última HQ, Alma penada, em que Cebolinha finge ter se transformado em um fantasma após uma coelhada, mas acaba se dando mal... 

Cebolinha #10 é a mais fraca das 5 revistas principais. Começa morna, com a HQ A super-roupa (roteiro de Edson Itaborahy), e vai esfriando, até chegar na oitava história, Em queda livre, sem dúvidas, a melhor da revista. Nela, Cebolinha e Louco contracenam durante uma queda livre, literalmente. O legal é que, ultimamente, estão colocando várias HQs do Louco enchendo o Cebolinha. Dentre as 9 HQs, temos os secundários Rolo e Turma da Mata.

Cascão #10 inicia com um roteiro de Paulo Back. Em O jeitosinho do bairro, Cascão tem um ataque de ciúmes ao descobrir que tem um rival na 'outra rua' - que também conserta brinquedos. O sujinho tenta sabotar o trabalho do 'inimigo', mas acaba sendo descoberto no final... Rolo e Bidu (2 HQs) compõem o 'hall' dos secundários na revista, que tem 8 HQs no total.

Magali #10 traz um motivo a mais pra comemorar: a dinastia Conto de Fada acabou... Ufa! Falando da revista: Tipos de gato, uma HQ muito boa de Mario Mattoso, abre a revista. Mingau foge de casa por não ser o gato 'ideal' para Magali, mas, no fim, tudo fica bem! Dudu, Tina, Bidu e Zecão tem HQs solo no gibi. São 10 HQs no total.

Por fim, Chico Bento #10. Duelo de duplas sertanejas, de 35 páginas, abre a revista em grande estilo. Emerson Abreu, o roteirista, disse que a HQ tem relação com a Super Saga do Fim do Mundo, que é publicada na TMJ. Papa-Capim é o único secundário a ter uma HQ solo na revista. São 6 no total.

Das 5 revistas, eu elegeria Magali como a melhor do mês, e Cebolinha como a pior.

Comentários

  1. Que bom, mais uma HQ do Emerson estrelando o Chico! Espero que ele continue a saga dos alienígenas do planeta Tomba mais para frente! Falando nisso, Matheus, você sabe se houve uma continuação para Barraco entre Vizinhos?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Danil, que eu saiba, só teve "Barraco entre Famílias" e "Barraco entre Vizinhos".

      Excluir
    2. É, são os que conheço. O jeito é continuar na torcida... Obrigado.

      Excluir
  2. Ah, confere um texto mais amplo sobre o "politicamente correto": http://papodehomem.com.br/politicamente-correto-uma-defesa/ Isso que é "tapa na cara da sociedade".

    ResponderExcluir
  3. Você já viu as capas de março vai fazer o Checklist delas?

    ResponderExcluir
  4. Você já viu as capas de março vai fazer o Checklist delas?

    ResponderExcluir
  5. Oi Matheus como você vai?

    Que bom que você está gostando das revistinhas, o triste é que ocorreu mais um aumento :(
    Legal sua explicação sobre as Hqs. Você já adquiriu a do Cebolinha desse mês? Parece bem interessante, vou ver se tem como eu comprar ela, pois já faz um bom tempo que não compro gibis da turminha e esse pelo que vi no blog do Fabiano está bem legal.

    Abraços e boa Semana!


    ResponderExcluir

Postar um comentário

O Quadrinhada não se responsabiliza pelos comentários aqui publicados. Qualquer informação expressa é de total responsabilidade do autor. Comentários com palavrões serão excluídos.

EM ALTA NA SEMANA

Gibiteca nº17: Cebolinha nº 79 é o Escolhido...

Olá pessoal. Neste domingo (28), continuaremos com a nossa caminhada através da nossa gibiteca, que nesta postagem falara sobre a Revista Cebolinha nº 79, que está atualmente nas bancas, custando R$ 3,50.


A revista é composta pelas seguintes aventuras:

O escolhido - onde o Cebolinha encontra um anel que tem como poder, um desejo muito estranho, o que deve ser?

Torcicolo - Titi fica com dor no pescoço depois de olhar rápido para uma, porém ele não vai ser o único a se machucar no final, quem será que vai se machucar também?

A porta - Cebolinha e sua imaginação novamente impedida pela Mônica e suas travessuras.

Mônica e o boi e seu vestido vermelho (história de uma página) - Gostei da cara do Boi nos três quadrinhos.

A pedra que não estava lá - onde Bidu e o Zé Esquecido tentam descobrir como a Dona Pedra sumiu da história.

Irmão - história muito boa, pois meu mostra a turma como irmãos e não apenas como amigos.

Perto da natureza - onde o Papa Capim mostra porque devemos cuidar da natureza.

O…

Gibiteca nº13: Turma da Mônica nº 78, e o Parque?

Olá pessoal. Neste domingo (14), daremos continuidade a nossa gibiteca, que nesta postagem falará sobre a revista: Turma da Mônica nº 78, antigo Parque da Mônica.



Porém antes resolvi falar um pouquinho sobre o antigo Parque da Mônica,que funcionou entre os anos de 1993 a 2010, que ficava localizado em São Paulo, no Shopping Eldorado:

"A atração que envolvia os personagens da Turma da Mônica fez tanto sucesso nos anos 90, que acabaram até lançando uma revista em quadrinhos chamada: Revista Parque da Mônica, no qual trazia sempre uma aventura envolvendo a turminha no parque, ou mostrando as novidades entre os brinquedos, peças teatrais, shows."

Em junho de 2013 chegava nas bancas de todo o país a revista Turma da Mônica nº 78, que trazia as seguintes histórias:

Mágicas Do Contra - no qual o personagem Do Contra resolve entrar no ramo da magica, envolvendo os personagens Mônica, Cebolinha e Cascão.

Não consigo dormir - nesta aventura o Anjinho faz de tudo pra conseguir um local p…

As 100 edições da Magali na Panini

Desde janeiro de 2007, os gibis da Turma vem sendo publicados pela editora italiana Panini. O contrato vai até 2020, por enquanto. É uma parceria boa, porque se olharmos em qualidade de impressão, a Panini é a melhor das editoras que já publicaram as revistas da TM.  Nesta série do Quadrinhada, abordaremos as 100 edições de cada um dos personagens.

MAGALI - A PRIMEIRA EDIÇÃO



Como foi a primeira edição: a revista da Magali de número 1 na Panini foi publicada em janeiro de 2007, com 68 páginas e por R$2,90. Todas as revistas de nº1 tinham o selo "Edição de lançamento", além de um frontispício sobre a mudança de editora. A capa tem Magali falando ao telefone e Mingau dormindo ouvindo música. A revista contém as seguintes histórias:


Toda prova de amor (11 páginas)O sinal (2 páginas)Tina (4 páginas)História de uma página da MagaliUm olhar diz tudo (4 páginas)Um jeitinho novo de pedir (5 páginas)Ajuda certa (2 páginas)O mistério dos irmãos gêmeos do Dudu (27 páginas)
Nesta revista, …